Vivendo na plenitude da benção

segunda-feira, 18 de setembro de 2017

O que é a bênção? Nessa mensagem, quero falar sobre viver de baixo de bênçãos ilimitadas. A bênção é um poder recebido. Ela não é a casa, o carro ou o dinheiro. A bênção é um poder para ter sucesso em todas as áreas da vida.
A casa não é a bênção, mas o resultado dela. A promoção não é a benção, mas o resultado dela. Não devemos definir o que é a bênção por seus resultados, mas sim por sua natureza. Em sua natureza, a bênção é um poder que vem dos céus, um poder para ter sucesso. Coisas sobrenaturais acontecem a pessoas que têm a bênção.

A passagem de Romanos 15:29 fala sobre a plenitude da bênção.

“E bem sei que ao visitar-vos, irei na plenitude da benção de Cristo.”(Rm 15:29).

O que é isso? A plenitude de algo significa sua completude, ou que algo atingiu seu nível mais completo ou mais alto. Não sei se alguém aqui já andou nesse nível de bênção. Sei que já experimentei níveis dessa bênção, mas não sei se conheço alguém que viva essa plenitude ou nível máximo. Se você já anda num nível de bênçãos e tem alcançado tantos resultados, imagine quando você andar na plenitude da bênção!

“A bênção do SENHOR enriquece, e, com ela, ele não traz desgosto”(Pv 10:22).

O mundo tenta parar aquilo que Deus quer fazer. Tentam nos ridicularizar, dizendo que é um fenômeno estranho encontrar “tantos crentes ricos”. Se alguém tem permissão para ser rico, esses somos nós, os que temos as bênçãos. Diga para a pessoa ao seu lado: “Sou abençoado!” .Diga para você mesmo que você tem a benção.
Assim diz o Senhor: “A manifestação da bênção do Senhor está perto. Estamos perto de uma manifestação de bênçãos nunca antes vista pelo mundo. A bênção te cercará, toda dívida terá de ir embora, assim como a lepra deixava aqueles a quem Deus tocava. A dívida é uma lepra financeira, um jugo e parte da maldição. Se você começar a declarar a manifestação da bênção, você se surpreenderá em ver como a dívida rapidamente deixará a sua vida.
Deus vai te abençoar além do seu salário. Deus trará bênçãos financeiras sobre a sua vida, bênçãos que estão prestes a explodir. Elas já estão prontas e por isso você deverá estar preparado.
Estamos no caminho de uma explosão de bênçãos, um status de bênçãos extremas. Mas Satanás sabe que esse momento de explosão de bênçãos está chegando, e ele vai tentar te fazer desistir antes que ela aconteça. Como ele sabe que não pode parar a explosão de bênçãos de Deus, ele tenta parar você. Por isso, desistir não pode ser a sua opção. Não é a minha opção, nem deve ser a sua! Sempre é mais escuro antes do amanhecer, sempre é mais difícil antes do romper. Eu consigo ouvir o som de uma explosão, uma explosão de bênçãos.
Ser extravagante significa ir além de quaisquer limites anteriores. Ser extravagante significa ser excessivo, quase no limite do desperdício. Cuidado, pois a explosão de bênçãos te levará ao nível onde as pessoas dirão que você está desperdiçando. Todos os seus limites estão prestes a ser removidos. Não limite ao Deus de Israel, porque Ele sempre pode fazer mais do que você está esperando.

“Nem olhos viram, nem ouvidos ouviram, nem jamais penetrou no coração humano o que Deus tem preparado para aqueles que o amam”.(1 Co 2:9).

Uma explosão de bênçãos! E o apóstolo Paulo vislumbrou esse dia.

“Para mostrar, nos séculos vindouros, a suprema riqueza da sua graça, em bondade para conosco, em Cristo Jesus”(Ef 2:7).

Não sei por que isso surpreende aos cristãos, porque Jesus disse que voltaria para uma igreja gloriosa e sem mácula. Hoje, somos uma igreja dura, mas Jesus voltará para uma igreja gloriosa.

“E o homem se tornou mais e mais rico; teve muitos rebanhos, e servas, e servos, e camelos, e jumentos”(Gn 30:43).

Então, ouvia Jacó os comentários dos filhos de Labão, que diziam: Jacó se apossou de tudo o que era de nosso pai; e do que era de nosso pai juntou ele toda esta riqueza (glória).( Gn 31:1).

Na primeira vez que a palavra “glória” foi usada, ela se referia a riquezas e bênçãos materiais.

Não temas, quando alguém se enriquecer, quando avultar a glória de sua casa; pois, em morrendo, nada levará consigo, a sua glória não o acompanhará.(Sl 49:16,17).

Mesmo na escuridão, as pessoas poderão olhar para nós e ver algo que elas não têm: a glória de Deus. Essa glória não é espiritual, mas física, que pode ser vista e tocada.
As nações se encaminham para a tua luz, e os reis, para o resplendor que te nasceu. Levanta em redor os olhos e vê; todos estes se ajuntam e vêm ter contigo; teus filhos chegam de longe, e tuas filhas são trazidas nos braços.

Então, o verás e serás radiante de alegria; o teu coração estremecerá e se dilatará de júbilo, porque a abundância do mar se tornará a ti, e as riquezas das nações virão a ter contigo.(Is 60:3,5).

Quando for o tempo de maior escuridão, a riqueza dos ímpios será transferida para as nossas mãos. Diga: “Estou a caminho de uma explosão de bênçãos!” Como Veja como o dicionário define “explosão”: Uma explosão é um crescimento rápido e repentino. Estamos falando de algo que não vemos chegar, que chega de repente. Deus nos fará crescer, repentinamente, mais e mais! É tempo de mais e mais!
Satanás nunca se recuperará da explosão de bênçãos que Deus quer trazer à sua vida! De repente, a riqueza será tirada das mãos dos ímpios e colocada em nossas mãos. Para os ímpios, eu digo: “É melhor você aceitar a Jesus logo, senão, o que está em suas mãos irá parar nas minhas!” Não sei como isso vai acontecer, mas creio no que Deus diz. Eu creio no que Deus diz.

“Pois assim diz o SENHOR dos Exércitos: Ainda uma vez, dentro em pouco, farei abalar o céu, a terra, o mar e a terra seca; farei abalar todas as nações, e as coisas preciosas de todas as nações virão, e encherei de glória esta casa, diz o SENHOR dos Exércitos (Ag 2:6-7).

Quando uma explosão acontece, tudo treme. A plenitude de bênçãos está sendo manifestada em nossas vidas. Quando? Agora! Mas você precisa aprender a se conectar com isso. Como? Uma das formas é através da obediência. A desobediência paralisa o fluir das bênçãos em nossas vidas. Mas o que mais podemos fazer, além de sermos obedientes?

“E, havendo Deus terminado no dia sétimo a sua obra, que fizera, descansou nesse dia de toda a sua obra que tinha feito. E abençoou Deus o dia sétimo e o santificou; porque nele descansou de toda a obra que, como Criador, fizera” (Gênesis 2:1,2).

Por que Deus descansou? Por que estava cansado? No sétimo dia, quando terminou Sua obra, Deus abençoou aquele dia. Depois disso, Ele ficou descansando, até os dias de hoje. E quem faz o trabalho para Ele? A bênção. A bênção é perpétua. Glória a Deus, pois a benção é perpétua na sua vida.

“Temamos, portanto, que, sendo-nos deixada a promessa de entrar no descanso de Deus, suceda parecer que algum de vós tenha falhado. Porque também a nós foram anunciadas as boas-novas, como se deu com eles; mas a palavra que ouviram não lhes aproveitou, visto não ter sido acompanhada pela fé naqueles que a ouviram” (Hebreus 4:1,2).

Temos que misturar a Palavra que ouvimos com a fé. Há pessoas que ouvem a Palavra, mas não fazem isso.

“Nós, porém, que cremos, entramos no descanso, conforme Deus tem dito: Assim, jurei na minha ira: Não entrarão no meu descanso. Embora, certamente, as obras estivessem concluídas desde a fundação do mundo” (Hebreus 4:3).

Só os que creem entram em descanso. É quando acreditamos na Palavra que ela se torna parte do nosso DNA. Tudo aquilo de que você precisa já foi terminado, já foi concluído. Por que se preocupar com algo que já foi concluído? Por isso, descanse! Descanse naquilo que já foi concluído.

“Porque, em certo lugar, assim disse, no tocante ao sétimo dia: E descansou Deus, no sétimo dia, de todas as obras que fizera. E novamente, no mesmo lugar: Não entrarão no meu descanso. Visto, portanto, que resta entrarem alguns nele e que, por causa da desobediência, não entraram aqueles aos quais anteriormente foram anunciadas as boas novas”(Hebreus 4:4-6).

O incrédulo não entra no descanso, permanecendo em suas próprias obras.

“Portanto, resta um repouso para o povo de Deus. Porque aquele que entrou no descanso de Deus, também ele mesmo descansou de suas obras, como Deus das suas(Hb 4:9-10).

Os que creem entram em descanso. Eles trabalham para entrar em descanso. E que tipo de trabalho é esse? Buscar a Palavra, meditar nela. Precisamos desenvolver a confiança necessária na Palavra para descansarmos nela. Precisamos ler sobre a bênção, meditar sobre ela e desenvolver confiança, para que possamos descansar na obra que já foi terminada. Então, a bênção poderá fazer seu trabalho. Até que tenhamos essa confiança, estaremos limitando a manifestação da plenitude das bênçãos em nossas vidas.
Deus teve que descansar para a bênção assumir o controle, e você precisa entrar no descanso Dele, para a plenitude das bênçãos tomar o controle da sua vida. O seu espírito precisa aprender a descansar. Quando você vai fazer isso? Quando você vai deixar de tentar cuidar daquilo que a bênção pode cuidar para você? Quando você vai descansar?
Descansar é saber que já está feito. É tempo de descansar, e não de se preocupar. A bênção não vai trabalhar até você parar de trabalhar por si mesmo. Quando você descansa, o resultado é ver a manifestação da bênção. Estamos diante de uma explosão de bênçãos.

“Por esta causa, me ponho de joelhos diante do Pai, de quem toma o nome toda família, tanto no céu como sobre a terra, para que, segundo a riqueza da sua glória, vos conceda que sejais fortalecidos com poder, mediante o seu Espírito no homem interior; e, assim, habite Cristo no vosso coração, pela fé, estando vós arraigados e alicerçados em amor, a fim de poderdes compreender, com todos os santos, qual é a largura, e o comprimento, e a altura, e a profundidade e conhecer o amor de Cristo, que excede todo entendimento, para que sejais tomados de toda a plenitude de Deus.

Ora, àquele que é poderoso para fazer infinitamente mais do que tudo quanto pedimos ou pensamos, conforme o seu poder que opera em nós (Efésios 3:14-20).

Viva na plenitude da benção e viva vitórias maiores!